domingo, 24 de maio de 2009

Mendelssohn Sinfonia nº4 - A Italiana

Esta composição foi inspirada por uma visita que Mendelssohn fez a Itália em 1831. No entanto não a conseguiu terminar na altura pelo que esta apenas sinfonia apenas viria a ser terminada em 1833 sendo estreada em Londres a 13 de Maio de 1833 dirigida pelo próprio Mendelssohn.

Apesar de ter sido um sucesso esta obra nunca satisfez o compositor que fez várias revisões à mesma e nunca a publicou. A designação "Italiana" é do próprio compositor mas como conhecemos a sua resistência à música demasiadamente programática evitaremos as interpretações demasiado coloridas pelas paisagens italianas que alguns seguem.

Esta sinfonia em Lá Maior em quatro andamentos tem um primeiro andamento (Allegro Vivace) bastante convencional em forma de sonata com dois temas de natureza distinta. Um primeiro mais vigoroso e um segundo mais pacifico. A Coda final termina de forma gloriosa este andamento alegre que descreve os ceus azuis de Itália (e aqui estamos a pisar o risco no nosso propósito de não sermos demasiado programáticos).
Oiçam aqui este andamento.

Já o segundo andamento (Andante) é bastante contemplativo na sua essência embora não deixe de ter a característica básica de alegria que acompanha toda esta sinfonia. Para acompanharem este andamento proponho-vos este video. O guia de audição a que se faz referência pode ser lido aqui. Apesar de estar em espanhol é uma excelente maneira de compreender melhor esta obra para quem queira uma análise mais técnica.

O terceiro andamento  que se diz ter sido inspirado de um trabalho de juventude afirmação da qual não existem provas. É um andamento delicado que retoma a forma de minueto das sinfonias clássicas. Podem ouvir aqui este andamento com a "sua" Filarmónica de Nova Iorque em 1953.

Finalmente se dúvidas houvesse quanto ao caracter italiano desta sinfonia o ultimo andamento encargar-se-ia de as levantar por completo. É um andamento baseado em duas danças italianas, Tarantella e Saltarello. Se o terceiro andamento é formalmente conservador ao voltar ao minueto em vez do Scherzo "normal" nas sinfonias românticas este quarto andamento é inovador na utilização de um único tema. Podem ouvir este andamento aqui dirigido mais uma vez por Bernstein sempre com a Filarmónica de Nova Iorque.

Reblog this post [with Zemanta]

Sem comentários:

Publicar um comentário

Oportunidades na Amazon