terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Bach - Terceira Partita

No dia de Natal já tivemos neste blog uma grande variedade de temas. Desde os mais polémicos como uma dissertação sobre o papel do estado na protecção e no fomento da arte até à paz através da música quando vos falei da East-Western Divan Orchestra o maravilhoso projecto de Barenboim e Said.

Tivemos também neste dia compositores como Handel (Messiah),  Bach (Oratória de Natal) ou Haydn (As Estações).  Confesso-vos que este ano estava dividido sobre o teor do post tanto que o iniciei sem titulo esperando que esta retrospectiva me desse inspiração para o tema. Como por vezes acontece a inspiração surge do inesperado. Estava precisamente a debater-me sobre o que vos iria deixar musicalmente hoje quando oiço o meu filho a tocar a terceira partita de Bach a única numa tonalidade maior.

Assim e por inspiração "filial" voltamos hoje a Bach e a esta Terceira Partita BWV 1006 em Mi Maior que vos deixo com Itzhak Perlman (em duas partes).





2 comentários:

  1. Natal sem a música de Bach, não é Natal.

    BOAS FESTAS!

    ResponderEliminar
  2. É que não é mesmo :-) ... Boas festas também para si Ematejoca.

    ResponderEliminar

Oportunidades na Amazon